Rio de janeiro
Agenda Inovação Abril -   Maio    -     Junho   Avançar Voltar 2019 -   2020 Avançar
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • 01
  • 02
  • 03
  • 04
  • 05
  • 06
  • 07
  • 08
  • 09
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27
  • 28
  • 29
  • 30
SENAI

Notícias

Inovações premiam alunos e docentes na Mostra Inova Senai

Entre os 30 projetos de inovação tecnológica, desenvolvidos por alunos e professores do Senai, em exposição na Mostra Inova Senai 2008, foram premiados os três melhores em três categorias: processo inovador, produto inovador de aluno e produto inovador de docente. Além disso, a Mostra premiou o projeto escolhido pelo voto popular. A cerimônia de premiação ocorreu no 14/06, na primeira fase da etapa nacional da Olimpíada do Conhecimento, em Blumenau, Santa Catarina.

 

"Um projeto não precisa ser inédito para ser inovador. Às vezes, um pequeno diferencial em um produto ou processo traz um resultado enorme para a indústria. A Mostra Inova premia a criatividade, a competência e a inovação", afirmou José Manoel de Aguiar Martins, diretor geral do Senai Nacional. "Procuramos introduzir elementos novos na avaliação dos projetos, como a prática da pesquisa patentária. A idéia é se aproximar mais da realidade de mercado", explicou Orlando Clapp Filho, gerente executivo da Unidade de Tecnologia Industrial do Senai, acrescentando que a avaliação foi realizada com base nos critérios de aplicabilidade, impactos, método científico, desenvolvimento e demonstração.

 

Os 30 projetos em exposição na Mostra Inova Senai foram selecionados entre 83 concorrentes e abrangeram as áreas tecnológicas de madeira e mobiliário, alimentos, automação, eletroeletrônica, automotiva, tecnologia da informação, metalmecânica, design, meio ambiente, hidráulica e química.

 

Os vencedores foram projetos de Goiás, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná. O projeto goiano "Técnicas de Realidade Virtual e Aumentada como Suporte à Utilização de Materiais Didáticos Convencionais" ficou em primeiro lugar na categoria processo inovador. "É a recompensa de todo um trabalho", resumiu Roger Luz, professor de educação à distância do Senai em Goiânia. O protótipo projeta imagens virtuais em materiais didáticos impressos por meio de técnicas de realidade virtual e aumentada, utilizando softwares e hardwares específicos.


Na categoria aluno produto inovador, o vencedor foi o projeto "Display Holográfico", do Rio Grande do Sul. Desenvolvido pelo aluno Andrigo Machado Costa, do Centro Tecnológico de Mecatrônica, de Caxias do Sul, o display holográfico transmite informações de forma criativa sob uma visão de 360 graus. "Foram dois anos pesquisando e trabalhando muito. É bom ser reconhecido", disse Andrigo.

 

Na categoria docente produto inovador, o ganhador foi o projeto "Teclado de Computador para Pessoas com Deficiência Motora", de Itaúna, em Minas Gerais. "Não esperava que fosse causar tanto impacto. Agora, é patentear o projeto e colocar no mercado", afirmou o professor de eletroeletrônica Alexandre Ferreira da Silva, autor do projeto com o colega Carlos Alberto Aguiar. Ambos executaram a idéia de uma pessoa que tem paralisia cerebral. O teclado de computador foi desenvolvido para dar ao usuário mais praticidade no momento da digitação. As teclas são maiores e o espaçamento entre elas é suficiente para facilitar o acesso.


A curitibana Aline Ferreira, uma das três alunas que desenvolveram o projeto escolhido pelo voto popular, nem acreditou quando ouviu o anúncio do resultado. "Eu não esperava mesmo. Por ser o reconhecimento do público, é muito gratificante", disse a estudante do curso de aprendizagem em eletrotécnica industrial, de Curitiba. Aline e as colegas Alessandra Rocha e Aline dos Santos desenvolveram um sistema de sinalização de trânsito que informa ao deficiente visual, por meio da vibração de uma plataforma instalada na calçada, quando o sinal de pedestres está verde.


"A idéia é tornar mais fácil a vida da pessoa com deficiência visual", explicou Aline Ferreira. Em Curitiba, já há um dispositivo sonoro que comunica quando o sinal de pedestres está verde. "Mas este dispositivo é irritante e causa poluição sonora. Além disso, não serve para o deficiente visual e auditivo", observou a aluna. Segundo ela, a plataforma poderá ser instalada nos cruzamentos, sobre as calçadas em relevo que já existem nos centros de cidades como Curitiba, Maringá, Blumenau, Brasília, Porto Alegre e Florianópolis.

 

Os vencedores


Voto popular

Sistema de Sinalização para Pessoas com Deficiência (PR)

 

Processo Inovador
1 - Técnicas de Realidade Virtual (GO)
2 - Design contra o Crime (PR)
3 - Fresadora CNC de Placas Eletrônicas (SC)

 

Aluno Produto Inovador
1 - Display Holográfico (RS)
2 - Lixeira Didática e Ecológica (RS)
3 - Freio Dinamométrico para Medição de Torque (SC)

 

Docente Produto Inovador
1 - Teclado de Computador para Pessoas com Deficiência (MG)
2 - Sorvete de Rapadura (AL)
3 - Morsa Hidro-Pneumática com Comando Remoto (SC)

 

 

(Fonte: Senai Hoje - 16/06/2008)

 

 

 

Mais Senai em ação 

Instituições Associadas

ABIFINA
ABIMO
ABINEE
ABIQUIM
ALANAC
FIEMG
IPD FARMA
SEBRAE