Rio de janeiro
Agenda Inovação Abril -   Maio    -     Junho   Avançar Voltar 2019 -   2020 Avançar
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • 01
  • 02
  • 03
  • 04
  • 05
  • 06
  • 07
  • 08
  • 09
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27
  • 28
  • 29
  • 30
RETS

Notícias - RETS

Abifina: parceiros e amigos juntos, há 25 anos, pela fabricação local

A comemoração dos 25 anos da Associação Brasileira das Indústrias de Química Fina, Biotecnologia e Suas Especialidades (Abifina), na última sexta-feira (10/06), comprovou que todas suas conquistas são fruto do forte vínculo de amizade mantido com seus parceiros e da articulação política com governo e empresas. Em um jantar para associados e autoridades públicas no restaurante Laguiole, no Rio de Janeiro, o presidente da Abifina, Jean Daniel Peter, destacou a mobilização do grupo que a constitui como a força da entidade. "Temos solidariedade entre associados e em nossas relações externas, tanto públicas como privadas. Temos capacidade para crescermos juntos", declarou.

A festa contou com uma homenagem a uma das empresas fundadoras da Abifina e que se destaca por ser a única que permaneceu nos quadros da entidade desde sua criação: a Libbs Farmacêutica. O presidente da empresa homenageada, Alcebíades de Mendonça Athayde, recebeu uma placa alusiva ao fato. Também foi homenageado o 1º vice-presidente da Abifina, Nelson Brasil, pela sua dedicação à construção da entidade.

Vários dirigentes empresariais e autoridades públicas se manifestaram por ocasião desse evento. "A Abifina é um conjunto harmonioso constituído de três componentes. O primeiro deles é a atitude de seus dirigentes: representar legitimamente os interesses das empresas compromissadas com a fabricação local e a inovação tecnológica. O segundo componente refere-se à equipe pessoal formada na entidade: nenhuma entidade se faz simplesmente como instituição; ela se expressa por pessoas. E o terceiro componente são as empresas que encampam e legitimam essa luta pelo crescimento do país", disse Nelson Brasil.

José Correia da Silva, que foi o primeiro presidente da Abifina, manifestou seu orgulho pela capacidade da entidade de se reinventar. "Isso aconteceu quando (Fernando) Collor tomou posse e abrimos as fronteiras; quando Fernando Henrique Cardoso era relator do projeto de Propriedade Industrial e precisamos explicar o que assunto representava para as empresas nacionais de química fina; e quando tivermos de agregar outros segmentos a nossos processos", lembrou.

Mais amigos e parceiros da Abifina demonstraram carinho pela entidade, recordando suas trajetórias paralelas. Enquanto o Secretário Executivo do Ministério da Ciência e Tecnologia, Luiz Antônio Elias, contou as longas discussões havidas nos anos 90 sobre a legislação de propriedade industrial, o presidente da Anvisa, Dirceu Barbano, lembrou que a criação da Abifina, em 1986, veio na época em que se tornou premente a conquista da soberania nacional na área de fármacos e medicamentos.

Também pronunciaram belas palavras alusivas ao evento o Secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do ministério da Saúde, Carlos Gadelha, que destacou o papel da Abifina na mobilização empresarial para a construção das parcerias público-privadas; a desembargadora do TRF 2ª Região, Liliane Roriz, comentando o cenário legal coberto pela entidade; o chefe do DEFARMA do BNDES, Pedro Palmeira, relatando o apoio da entidade às políticas públicas onde o banco atua; e Ogari Pacheco, presidente Cristália e um dos vice-presidentes da Abifina, que enalteceu o significado dessa junção de áreas tão diversas onde atua a Abifina em favor do desenvolvimento nacional.


(Fonte: Abifina - 14/06/2011)

 

Instituições Associadas

ABIFINA
ABIMO
ABINEE
ABIQUIM
ALANAC
FIEMG
IPD FARMA
SEBRAE