Rio de janeiro
Agenda Inovação Outubro -   Novembro    -     Dezembro Voltar 2019 -   2020 Avançar
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • 01
  • 02
  • 03
  • 04
  • 05
  • 06
  • 07
  • 08
  • 09
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27
  • 28
  • 29
  • 30
  • 31
Fármacos e Medicamentos

Notícias

Bayer e Novo Nordisk firmam parceria inédita no País

Duas gigantes do setor farmacêutico mundial, a Bayer e Novo Nordisk, se uniram em uma parceria inédita no segmento de tratamento do diabetes para ampliar seus respectivos mercados no Brasil. A estratégia consiste, basicamente, na distribuição gratuita do aparelho da Bayer, o Breeze - que auxilia no controle da glicose sanguínea - para fidelizar o paciente. A fidelização ocorre porque o paciente passará a adquirir as tiras reagentes (onde se deposita o sangue a ser analisado) que são descartáveis e também fabricadas pela Bayer e a aplicar, na medida da necessidade, a insulina da Novo Nordisk.

O programa audacioso, batizado de "NovoDia - Programa de Apoio ao Paciente com Diabetes", atenderá cerca de 500 novos pacientes diabéticos por mês que, ao serem diagnosticados e indicados por seus médicos, receberão em sua residência a visita de uma enfermeira que tem como função orientar o novo paciente de como tratar a doença. "Um dos grandes problemas enfrentados pelos novos pacientes é a falta de informação. A intenção do programa é justamente essa, informar e orientar, derrubando mitos e ajudando o paciente a ter qualidade de vida, mesmo diagnosticado com diabetes", afirma o diretor da divisão Diabetes Care da Bayer para a América Latina, Antônio Cardone.

A Bayer ingressou somente no ano passado no mercado de cuidados para a diabetes no Brasil e a associação com a Novo Nordisk - que já tem um mercado maduro no Brasil neste segmento - se torna imprescindível para ampliar sua participação. "Com menos de um ano já conquistamos 5% do mercado, mas queremos chegar a 10% até o fim do ano", afirma Cardone.

O executivo não informa os valores que foram investidos para tornar a parceria real, mas garante que é um número "com pelo menos três dígitos". E declara que a companhia tem investido no projeto mais do que o faturamento da área, o que é "um movimento natural de quem é novo no setor e quer ganhar mercado", diz.

Diabetes no Brasil

De acordo com Cardone, existem cerca de 12 milhões de diabéticos no Brasil, mas apenas 50% estão cientes que têm a doença. "O diabetes vem crescendo rapidamente em países em desenvolvimento, como é o caso do Brasil. Com o aumento da renda, a população tende a comer mais, ser mais sedentária e isso pode causar a doença", explica.

Outro número surpreendente, segundo o executivo, é que o erro na aplicação da insulina (em maior ou menor quantidade) acontece em cerca de 90% dos casos. "Muitas vezes o paciente obtém o resultado dos níveis de glicose com erros de codificação, por problemas do aparelho que ele usa, o que pode interferir no tratamento da doença, levando-o a administrar níveis errados de insulina. Isso não ocorre com o Bayer Breeze 2, porque o aparelho já é codificado, o que significa que ele realiza o diagnóstico de maneira mais eficiente", afirma.

O que ocorre é que nos aparelhos convencionais existentes no Brasil, é o próprio paciente quem insere um código ou chip a cada nova troca das tiras utilizadas para a medição da glicose, fazendo com que, muitas vezes, a leitura seja realizada de maneira incorreta. "Um em cada seis pacientes faz a codificação de maneira incorreta", afirma Cardone.

Duas gigantes do setor farmacêutico mundial, Bayer e Novo Nordisk, se uniram em parceria inédita no segmento de diabetes para ampliar seus respectivos mercados no Brasil.

 

 

(Fonte: DCI - 25/06/2009)

 

 

Notícias relacionadas

 

Genzyme fecha parceria estratégica com a Bayer
Laboratório poderá comercializar remédios da Bayer voltados para o tratamento de câncer e esclerose. Acordo também fortalecerá a Genzyme, que pretende crescer 20% até 2012

 

União Química e Biomm vão produzir cristais de insulina
O Brasil terá uma empresa nacional de capital privado para a fabricação dos cristais de insulina, a matéria-prima voltada à produção do hormônio usado no tratamento do diabetes

 

Outras notícias de inovação em fármacos

Instituições Associadas

ABIFINA
ABIMO
ABINEE
ABIQUIM
ALANAC
FIEMG
IPD FARMA
SEBRAE